Bem-vindo ao site da Whirlpool Latin America!

Whirlpool adota sistema de home office para unidades administrativas

Companhia oferece maior autonomia e flexibilidade aos colaboradores, que podem trabalhar de sua residência, um dia por semana

 

Seguindo uma tendência global e com o intuito de proporcionar bem-estar e flexibilidade a seus colaboradores, a Whirlpool Latin America traz para suas unidades administrativas, no Brasil, Argentina, Chile, Peru, Equador, Guatemala, Colômbia, Miami e Porto Rico, a prática do home office, uma vez por semana, em linha com sua estratégia de espaço de trabalho vencedor (winning workplace).

 O projeto ganhou seus contornos a partir de benchmarkings com empresas que já utilizam a ferramenta e vêm obtendo um aumento de performance e excelência, comprovado na avaliação de seus times. “Vivemos em um mundo totalmente conectado e que dispõe de tecnologias com infinitas possibilidades para tornar a nossa vida melhor e mais produtiva. Neste sentido, adotamos a solução para garantir  ganho de tempo, concentração, redução de fatores estressores do trânsito, além do estreitamento da relação do colaborador com a organização”, afirma Andrea Clemente, diretora sênior de Recursos Humanos da Whirlpool Latin America.

No Brasil, para suportar esta ferramenta de mobilidade, a companhia possibilitou que os funcionários elegíveis trocassem seus desktops por notebooks, forneceu suporte para a tecnologia Voip, que permite o uso da ramal pelo computador, começou a trabalhar com a plataforma Google, que garante mais conectividade e facilidade no acesso aos documentos e programas utilizados no dia a dia, e reforçou questões importantes quanto à jornada e a rotina de trabalho. “Desenvolvemos uma cartilha e um vídeo com a explicação de regras e possíveis dúvidas. O que deixamos claro é que o horário estabelecido em contrato, com intervalo para refeição e descanso, deveria ser mantido, assim como a comunicação e interação com suas equipes, para benefícios de todos”, enfatiza Andrea.

Os pré-requisitos são a disponibilidade de internet residencial com, no mínimo, 10 Mbps e local adequado para trabalhar remotamente. A utilização deste benefício é opcional e o colaborador em conjunto com seu gestor decide qual é o melhor momento da semana para o home office, coordenado entre todos os membros da equipe. “Consideramos de suma importância esta conversa de alinhamento para atender às demandas do negócio e as necessidades dos colaboradores de forma equilibrada. Com isso, buscamos sempre ampliar o nível de satisfação dos nossos profissionais com transparência e pautado nos valores da companhia”, completa.

Resultados positivos

Em uma pesquisa realizada entre os colaboradores das unidades administrativas brasileiras, a implementação do home office se tornou um benefício de alta relevância.

“Entendo  a iniciativa como uma oportunidade para promover a qualidade de vida. Costumo levar até duas horas por dia no trânsito e isso, somado à rotina, é muito cansativo. Com a adoção do benefício, aumentei minha produtividade e pude contar com o conforto e a comodidade de resolver assuntos pessoais durante meu almoço, além de ficar mais próxima de meus familiares  animais de estimação”, destaca Debora Paes analista da área de Relações Institucionais.

Sobre a Whirlpool Latin America

A Whirlpool Latin America, dona das marcas Brastemp, Consul e KitchenAid, é líder do mercado latino-americano de eletrodomésticos. É reconhecida e premiada por oferecer produtos inovadores aos consumidores, desenvolver e atrair talentos de alto desempenho e por ser comprometida com a sustentabilidade. Admirada por suas marcas, a empresa leva a qualidade, preocupação com o meio ambiente e paixão por seus produtos para cerca de 100 milhões de lares brasileiros, o que representa um produto a cada dois domicílios. Atualmente, conta com cerca de 11 mil funcionários distribuídos entre o centro administrativo e as fábricas localizadas em Joinville (Santa Catarina), Manaus (Amazonas) e Rio Claro (São Paulo), além de 23 laboratórios de Pesquisa e Desenvolvimento e quatro Centros de Tecnologia. Na América Latina, tem escritórios na Argentina, Chile, Peru, Guatemala, Equador, Colômbia, Porto Rico, República Dominicana e Miami.